O Ministério Público de Contas de Santa Catarina (MPC/SC) encaminhou notificação a 55 municípios catarinenses com cobertura vacinal abaixo de 50%. A procuradora-geral de Contas, Cibelly Farias, pede que seja desenvolvido um plano de ação para atingir as metas até o final do ano, em articulação com Estado e governo federal.

Os municípios têm 30 dias para responder ao MPC/SC a partir do recebimento da notificação. O documento foi enviado também à Secretaria de Estado da Saúde para conhecimento. Leia a notificação NESTE LINK

O levantamento feito pelo MPC/SC mostra que a média de cobertura vacinal em Santa Catarina é de 56,8%. Esse dado é do dia 9 de setembro e foi disponibilizado pelo Serviço de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI).

Ao analisar a situação de cada cidade, o órgão ministerial selecionou as que estavam com uma cobertura abaixo de 50%. O resultado são 55 municípios, incluindo a Capital.

Relação de municípios catarinenses com cobertura vacinal abaixo de 50%:

  • ABDON BATISTA
  • APIÚNA
  • ARABUTA
  • ATALANTA
  • BALNEÁRIO CAMBORIU
  • BARRA BONITA
  • BARRA VELHA
  • BIGUAÇU
  • BOCAINA DO SUL
  • BOM JESUS DO OESTE
  • BOM RETIRO
  • CAÇADOR
  • CAIBI
  • CANOINHAS
  • CAPINZAL
  • CAXAMBU DO SUL
  • CELSO RAMOS
  • CERRO NEGRO
  • CRICIÚMA
  • DOUTOR PEDRINHO
  • ERMO
  • FLORIANÓPOLIS
  • FORQUILHINHA
  • FREI ROGERIO
  • GALVÃO
  • GAROPABA
  • GARUVA
  • GUABIRUBA
  • GUATAMBU
  • IBIRAMA
  • IÇARA
  • ILHOTA
  • INDAIAL
  • IPUACU
  • LAGES
  • LEBON RÉGIS
  • MONDAÍ
  • OURO
  • PAINEL
  • PALHOÇA
  • PASSO DE TORRES
  • PEDRAS GRANDES
  • PENHA
  • PINHALZINHO
  • RIO DO CAMPO
  • RIO DO OESTE
  • RIO DOS CEDROS
  • RODEIO
  • ROMELÂNDIA
  • SÃO CARLOS
  • SÃO MIGUEL DO OESTE
  • TIJUCAS
  • TIMBÓ GRANDE
  • VIDAL RAMOS
  • VIDEIRA

O texto, editado, é da assessoria de imprensa do MPC/SC. Leia a versão original neste link