Advogada Giane Bello e o presidente Rafael Horn – Foto de Julia Knabem – OAB/SC

Com a participação de autoridades e profissionais do meio jurídico, a OAB/SC realiza na noite desta quinta-feira (1º de agosto), na Capital, o painel “O amparo, proteção e orientação à vítima”.

A programação, que integra as comemorações do Mês da Advocacia, coloca em debate os números da violência, os casos crescentes de feminicídio no Estado e a necessidade de um trabalho conjunto entre as autoridades no combate à violência e também na assistência às vítimas e suas famílias. O debate ocorre entre 19h e 22h, no plenário da Seccional, e é aberto ao público.

Presidente da Comissão Estadual de Direito da Vítima da OAB/SC, a advogada Giane Bello é uma das coordenadoras da programação. A iniciativa conta ainda com o envolvimento e parceria da Comissão Estadual de Combate à Violência Doméstica e da Comissão Estadual da Mulher Advogada.

“Está é uma causa de todos e tem sérios reflexos para a sociedade: é necessário unir esforços e estar preparado para amparar a vítima e a família em diversos aspectos, que vão desde a assistência jurídica ao apoio psicológico e assistencial”, explica Giane.

Entre os palestrantes confirmados estão o secretário de Segurança de SC e comandante da PMSC, coronel Araújo Gomes, o promotor Jádel da Silva Júnior, do Centro de Apoio Operacional, Criminal e da Segurança Pública, o juiz Marcelo Carlin, da 1ª Vara Criminal da Capital, e a juíza Ana Luisa Schmidt Ramos, da 2ª Vara Cível da Comarca de São José. Participam ainda do debate a deputada estadual Ada de Luca, que preside a Frente Parlamentar de Combate à Violência contra a Mulher, a advogada Renata de Castilho, vice-presidente da Comissão Estadual da Mulher Advogada, e o psicólogo forense Ricardo Luiz de Bom Maria, do Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, do Fórum da Capital.

Informações e inscrições no site da OAB: www.oab-sc.org.br

MÊS DA ADVOCACIA
Com o desafio de discutir e planejar o futuro da profissão, a OAB/SC elaborou extensa programação para agosto, quando comemora o Mês da Advocacia. De 29 de julho até 30 de agosto, serão 85 eventos – entre palestras, painéis, encontros e congressos – na Seccional e nas Subseções instaladas no Estado.

Para o presidente da Ordem, Rafael Horn, esta será uma oportunidade única de troca de conhecimento entre advogadas e advogados catarinenses.

“Mais do que festividades, a programação é voltada ao debate dos rumos da advocacia, a busca de soluções e melhorias para o exercício pleno da nossa profissão”, avalia Rafael Horn.

A iniciativa envolve as comissões e a Escola Superior da Advocacia da OAB/SC e conta ainda com o apoio da Caixa de Assistência dos Advogados (CAASC). Há atividades com entrada franca e outras com pagamento de adesão. Para detalhes da programação, acesso via site da entidade.

O texto e a foto são da Assessoria de Imprensa da OAB/SC